fbpx

Uma ideia na cabeça, um app na mão

Você já resolve praticamente tudo na vida pelo seu smartphone? É provável que sim. Em um dia típico, um usuário de smartphone sai de casa sabendo como está o trânsito, ele nem precisou ligar a TV. Em seguida ele checa seu saldo bancário pelo app do banco, faz sua transferência e envia o comprovante pelo app de mensagens instantâneas, aproveita e conversa com os amigos por lá mesmo. Vê a previsão do tempo, pede almoço pelo app de entregas e à noite confere somente as notícias do segmento que ele quer no app de notícias. Vai dormir. Amanhã o app vai avisar por quanto tempo o sono dele foi profundo e reparador.

Como não pensei nisso antes?

Há algum tempo nossos celulares deixaram de ser meros telefones e passaram a nos ajudar com tarefas do dia a dia, com poucos cliques e alguns apps legais.

Os aplicativos surgiram exatamente da união da ideia na cabeça com a tecnologia na área de desenvolvimento. Muitas vezes são ideias simples mas disruptivas que fazem a gente questionar: Como não pensei nisso antes?

Existe uma máxima que diz que para tudo hoje existe um aplicativo. Pode até ser, mas como o mercado de apps é o que mais cresce em todo mundo, ainda há muito espaço para outros negócios surgirem.

Brasileiro gasta mais de 200 minutos por dia em aplicativos, diz estudo.

Uma pesquisa feita pela empresa norte-americana de dados do mercado de aplicativos, App Annie, mostra que a quantidade de apps baixados em 2018 superou a marca de 113 bilhões de programas, impulsionado principalmente por mercados emergentes.

O Brasil é o segundo mercado de aplicativos que mais cresce no mundo. Segundo o relatório, o segmento que mais cresce no Brasil é o relativo a apps voltados para compras e em termos de número de apps instalados, ainda somos os campeões mundiais, acompanhados da Turquia.

Por este motivo, as empresas estão investindo não apenas em marketing digital, como na criação de aplicativos diferenciados para oferecerem produtos e serviços de maneira personalizada aos clientes. Criar um aplicativo próprio, exclusivo e pensado para o cliente, agrega valor às marcas em qualquer segmento.

Além de facilitar a vida dos clientes, as vantagens de ter um app próprio, são inúmeras. É possível enriquecer a base de dados, aumentar o número de vendas, abrir um novo canal de marketing e, ainda, ter um espaço maior para trabalhar o relacionamento com o consumidor.

Mas para ter sucesso, o app tem que ser bom. Bom com B maiúsculo.

Para o app ser sucesso de downloads, ele precisa possuir uma série de características que somente uma empresa especializada consegue atender, afinal desenvolver um aplicativo não é algo simples. Em outras palavras, é preciso ir além de, simplesmente, atender às necessidades do cliente. O app precisa proporcionar ao usuário uma boa experiência desde o primeiro acesso. E também, ter outras características básicas como agilidade, organização, leveza, interface amigável e usabilidade.

Entre os profissionais envolvidos em um projeto de app, estão designers gráficos, web designer, analista de sistemas, arquiteto de softwares, programador, analista de dados, analista de testes e gerente de projetos. Eles precisam possuir uma série de habilidades para que o produto final atenda de fato as necessidades pensadas lá no início, quando a ideia ainda estava na cabeça.

A primeira dessas habilidades é possuir  uma mente orientada à inovação: questionar o status quo, pensar se algo pode ser feito diferente e como. 

A segunda habilidade é entender de tecnologia a ponto de saber se a ideia é viável ou não. Não é necessário ter conhecimento aprofundado, mas um entendimento geral do que pode ser feito e a que custo.

Por fim é necessário entender sobre comportamento do consumidor e experiência do usuário. É preciso entender os hábitos, as dores e os desejos do seu público-alvo para propor uma solução que realmente vá fazer parte do dia a dia deles.

Topo da lista: os 10 apps mais baixados

Se você se deparar com alguma lista de melhores apps inovadores para baixar e instalar, pode saber: eles fazem sucesso porque resolvem problemas reais e acertam em cheio nas necessidades do seu público.

A propósito, aqui embaixo tem uma listinha dos apps mais baixados no mundo durante o primeiro trimestre de 2019. A gente ficou curioso ao longo do artigo (claro!). Notamos que a maior parte está relacionada à comunicação, interação entre a pessoas.

1 – Whatsapp

2 – Messenger

3 – TikTok

4 – Facebook

5 – Instagram

6 – ShareIt

7 – Youtube

8 – LIKE Video

9 – Netflix

10  – Snapchat

E você? Tem alguma ideia que precisa tirar da cabeça, colocar no papel e desenvolver? Conta pra gente qual seria sua invenção em aplicativo para resolver a vida das pessoas!

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on google